Dirija Já

Dirija Já

Chaveiro 24h

Blog do Francisco Evangelista. Tecnologia do Blogger.
terça-feira, 7 de julho de 2015

Homem-bomba explode igreja evangélica e deixa cinco mortos na Nigéria

Uma igreja cristã pentecostal sofreu um ataque terrorista em Potiskum, no nordeste da Nigéria. Cinco pessoas, incluindo uma mulher, seus dois filhos e um pastor, foram mortas na manhã deste domingo (5), segundo informou a AFP, um policial e um habitante local.

O homem-bomba entrou na igreja às 9h55 (5h55 de Brasília) e, em seguida, explodiu a si mesmo. O prédio da igreja é localizado no bairro de Jigawa, nos arredores de Potiskum, a capital econômica do estado de Yobem.

"Quatro fiéis morreram imediatamente, enquanto a quinta vítima morreu pouco depois de chegar ao hospital", indicou um policial. Um morador local confirmou esta informação.

Segundo relatos de Garba Manu, uma testemunha, o homem-bomba chegou à igreja em um rickshaw, vestido como os outros fiéis, e acionou seus explosivos ao entrar no edifício.

"Eu o vi entrando na igreja sem levantar qualquer suspeita. Cinco fiéis, três mulheres e dois homens estavam na igreja quando o homem-bomba entrou e todos eles morreram", acrescentou.

A autoria do ataque ainda não foi revelada, mas desde que se iniciou o avanço extremista do Boko Haram, há seis anos, Potiskum tem sido regularmente alvo de ataques, incluindo vários suicidas.

Durante o Ramadã, mês sagrado para o islamismo, a Nigéria, com centenas de pessoas mortas pelo Boko Haram em poucos dias, viu sua pior semana desde que o novo presidente, Muhammadu Buhari, tomou posse em 29 de maio.

A onda de ataques, que começou na quarta-feira, atingiu várias aldeias no estado de Borno, o epicentro da insurgência do Boko Haram, agora filiado ao grupo Estado Islâmico. Guiame

Governo cria Programa de Proteção ao Emprego

O governo federal encaminhou ao Congresso Nacional nesta segunda-feira (06/07) Medida Provisória que cria o Programa de Proteção ao Emprego (PPE). O objetivo da proposta é estimular a permanência dos trabalhadores em empresas que se encontram em dificuldades financeiras temporárias. A proposta permite a redução da jornada de trabalho em até 30%, com uma complementação de 50% da perda salarial pelo Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), limitada a 65% do maior benefício do seguro-desemprego (1.385,91 x 65% = 900,84). Por exemplo, numa redução de 30% da jornada, um trabalhador que recebe hoje R$ 2.500,00 de salário e entra no PPE passará a receber R$ 2.125,00, sendo que R$ 1.750,00 pagos pelo empregador e R$ 375,00 pagos com recursos FAT. O trabalhador mantém o emprego, preserva o saldo do FGTS e permanece com todos os benefícios trabalhistas. "Essa é uma medida emergencial e temporária, adotada por indicação da OIT. Há estudos desde 2010 com o objetivo de evitar dispensas, incluindo a análise de exemplos como o da Alemanha. O PPE estimula a manutenção do emprego formal, permite que as empresas possam ter tempo para sua recuperação, evita a rotatividade e preserva os investimentos feitos em qualificação", explica o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias.

As empresas mantêm os trabalhadores qualificados e reduzem custos com demissão, contratação e treinamento, além de terem o gasto com salários reduzido em 30%. E o Governo Federal mantém parte da arrecadação com as contribuições sociais incidentes sobre os salários.

A contribuição do empregado e do empregador para o INSS e FGTS incidirá sobre o salário complementado, ou seja, sobre 85% do salário original. Portanto, a contribuição patronal para o INSS e para o FGTS incidirá também sobre o salário complementado, ou seja, sobre 85% do salário original. Mesmo assim, o custo de salários e encargos para o empregador será reduzido em 27%.

Os setores que poderão aderir ao PPE serão definidos pelo Comitê do Programa de Proteção ao Emprego (CPPE), formado por representantes dos ministérios do Planejamento; Fazenda; Trabalho e Emprego; Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e Secretaria-Geral da Presidência da República.

As empresas e os trabalhadores deverão fixar a decisão em aderir ao PPE por meio de Acordo Coletivo específico, no qual a empresa deverá comprovar sua situação de dificuldade econômico-financeira. O período de validade para a utilização do programa é de seis meses, podendo ser prorrogável, com limite máximo de 12 meses.

Segundo a MP, as empresas que aderirem ao PPE não poderão dispensar os empregados que tiveram sua jornada de trabalho reduzida temporariamente enquanto vigorar a adesão. No final do período, o vínculo trabalhista será obrigatório por prazo equivalente a um terço
do período de adesão.

O PPE visa preservar os empregos formais em momento de retração da atividade econômica, auxiliar na recuperação da saúde econômico-financeira das empresas, indispensáveis para a retomada do crescimento econômico. Além disso, estimula a produtividade do trabalho por meio do aumento da duração do vínculo trabalhista e fomenta a negociação coletiva, aperfeiçoando as relações de trabalho.
segunda-feira, 6 de julho de 2015

Após casamento gay, Suprema Corte pode aprovar poligamia

A fala do juiz John Roberts, um dos 4 votos contrários à legalização do casamento gay na Suprema Corte dos EUA, pode abrir espaço para a legalização da poligamia. Na ocasião, ele justificou sua contrariedade alegando que os mesmos argumentos a favor de tais uniões poderiam ser usados para legalizar a poligamia.

A lógica é que se um casal homoafetivo alega que “sofreria o estigma de saberem que sua família é, de alguma forma, inferior”, por que o mesmo raciocínio não se aplica a uma família formada por três (ou mais) pessoas criando filhos?

Correntes do mormonismo, seita que pregava a poligamia até ela ser criminalizada nos EUA, comemoraram. A nova legislação sobre igualdade de casamento já permitiu que mórmons fundamentalistas do estado de Montana entrassem com pedido de uma certidão de casamento civil para o marido e a segunda esposa.

Nathan Collier casou com sua primeira esposa, Victoria, em 2000. Ele acabou se envolvendo com a irmã dela, Christine, e os três passaram a viver juntos. Embora tenham realizado uma cerimônia religiosa em 2007, a união deles não é reconhecida pela justiça americana.

“Só queremos garantir amparo legal a uma família amorosa, forte, funcional e feliz”, explica Nathan. Inspirado pela decisão da Suprema Corte no mês passado, alega que sofre uma violação dos seus direitos civis.

Para quem acha que este tipo de situação não pode ser comparada com o casamento gay, ano passado Kody Brown, um mórmon que vive com suas quatro esposas e 16 filhos, obteve uma vitória na ação que movia há 3 anos contra o estado de Utah.

O juiz federal Clark Waddoups decidiu a favor dos Brown, considerando que a proibição de poligamia, prevista na lei, violava direitos constitucionais de liberdade religiosa. Isso fez com que muitos mórmons defendessem que a poligamia foi “descriminaliza” no estado.

Estima-se que existem mais de 20 mil famílias mórmons vivendo nesta situação e que poderiam “se legalizar”.

Além dos mórmons, estima-se que existam até 100 mil famílias muçulmanas na mesma situação nos EUA. Permitida pela Alcorão, a poligamia é normal nos países que vivem sob a lei religiosa islâmica.

Longe do aspecto religioso, o influente site sobre política americana Politico.com publicou uma extensa matéria sobre o tema, defendendo a prática como o “próximo passo do liberalismo social”. O argumento central é que os homossexuais já viviam maritalmente antes da legalização. Ou seja, adeptos do ‘poliamor’ também deveriam lutar pelos seus direitos e quebrar o ‘tabu’. É apenas uma questão de tempo até que cheguem na Suprema Corte.

O casamento gay viveu um processo similar, sendo gradualmente aceito em um estado depois do outro até finalmente ser aceito nacionalmente.

Segundo uma pesquisa do Gallup sobre valores morais, a poligamia era considerada moralmente aceitável por 7% da população em 2003. Na reedição da pesquisa em 2015, o percentual saltou para 16%.

Culturalmente, as mudanças nos Estados Unidos acabam se refletindo em grande parte do mundo. Vide o significativo número de brasileiros que coloriram suas fotos no Facebook para comemorar a decisão da Suprema Corte. Com informações de Charisma News

Aécio Neves é reeleito presidente do PSDB

Aécio Neves foi reeleito presidente do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira) neste domingo (5), em convenção da sigla em Brasília. Ele chegou à convenção acompanhado das principais lideranças do partido, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e os senadores José Serra e Aloysio Nunes.

A ideia de todos os principais nomes do partido chegarem juntos foi pensada para demonstrar unidade, já que Aécio e Alckmin disputam internamente a vaga de candidato presidencial da sigla.

Após ser reconduzido à presidência, o senador fez um discurso inflamado sinalizando que o partido vai trabalhar para pôr fim ao governo da presidente Dilma Rousseff. Sem falar a palavra impeachment, Aécio afirmou que a oposição "não esmoreceu" e que o PSDB pretende dar uma resposta "responsável e corajosa" à sociedade.

Em sua fala, o tucano acusou o PT de montar um "modos operandi" no qual "vale tudo" para continuar no poder, e que isso colocava sob suspeita os recursos recebidos pela campanha que elegeu Dilma e o vice-presidente, Michel Temer, no ano passado.

— Os sucessivos escândalos que aí estão consolidam a ideia de que se instalou no Brasil um modos operandi organizado e sistematizado em que vale tudo para se manter no poder, e que agora coloca sob gravíssima suspeição a campanha que elegeu a atual presidente da República e seu vice.

Em diversas oportunidades, Aécio sugeriu que Dilma deixaria o governo antes de 2018, quando estão previstas as novas eleições presidenciais.

— Ao final do seu governo, que eu não sei quando ocorrerá, talvez mais breve do que alguns imaginam, os brasileiros terão ficado mais pobres. R7

"A Igreja como testemunha poderosa diante de um mundo corrompido", no encerramento do Congresso de Jovens IEADPE

Neste domingo (05), no encerramento do 34° Congresso de Jovens da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE), o Templo Central ficou lotado. Jovens de várias regiões do Estado compareceram ao evento para aprender e adorar a Deus.
 
Durante todos os dias, a Igreja estudou o tema do Congresso dividido em subtemas: “A postura bíblica da testemunha de Cristo”, “O compromisso incondicional da testemunha de Cristo”, “A testemunha de Cristo e a vida de obediência a Deus”, “Recebendo poder para testemunhar”, “Testemunhando até os confins da terra” e “Ser-me-eis testemunhas”, tema central desta edição e do encerramento.
 
Na ocasião, vários grupos musicais louvaram ao Senhor, como também, o Grande Coral de Jovens formado por 800 vozes.

A ministração da Palavra de Deus foi feita pelo Evangelista Marcelo Teles. Ele leu os textos de Atos 1.8 e 4.20 para embasar sua preleção, que teve como foco “A testemunha de Cristo no mundo pós-moderno”.

O evangelista explicou as características do período pós-moderno, enfatizando que o apóstolo Paulo já havia alertado em suas epístolas que estes seriam dias trabalhosos. A descrença em Deus, resultado do ateísmo, foi apresentado como a primeira característica desta época.
 
A inversão de valores que domina as ações e decisões desta sociedade foi esclarecida. “Estão preocupados com a existência de vida em outro planeta, quando a vida em nosso planeta é depreciada!”. O ecumenismo – que prega a existência de outros caminhos para se chegar a Deus – e o relativismo – que quer excluir a ideia de pecado fazendo as pessoas pensarem que podem decidir o que é certo e errado para elas mesmas – também foram combatidos na ministração.

A glória de Deus foi manifesta no ambiente enquanto os crentes recebiam graça e poder para enfrentarem as dificuldades e a incredulidade do pós-modernismo. O evangelista afirmou que a história, a Bíblia e a experiência pessoal são as bases que autenticam o testemunho do cristão.
 
Para combater as ideologias do pós-modernismo, o Ev. Marcelo Teles afirmou que é preciso ser testemunhas com conhecimento bíblico, com prática (vivência) da palavra e com experiência espiritual.

Feito o convite, 61 pessoas entregaram suas vidas a Jesus e dezenas de renovos espirituais e batismos no Espírito Santo foram contados.

E assim foi o encerramento desta 34ª edição do Congresso de Jovens. Um evento, marcante, envolvente e interativo por parte dos congressistas. ADNews

Entrada da Facape e UPE terá semáforo

Depois de solicitações de alunos e de alguns acidentes nas proximidades do Campus Universitário da Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Petrolina (Facape), os estudantes da instituição fizeram solicitações à Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo (EPTTC) para tomar providências a respeito. 

Segundo Fernando Silva, aluno da Facape, parece que os apelos dos estudantes foram ouvidos e nesta sexta-feira, dia 3, ele escutou a confirmação de Paulo Valgueiro, diretor-presidente da EPTTC, que daqui a dois meses será instalado um semáforo próximo à instituição de ensino superior. “E com muita alegria que vejo o executivo municipal dá atenção a esse pleito, que vem sendo pedido por muitos, pois e de fundamental importância esse semáforo para garantir nossa segurança, onde as vezes acontece acidentes nos horários de pico nas redondezas das faculdades”, disse Fernando, referindo-se também aos alunos que frequentam a UPE em Petrolina, localizada na mesma área da Facape.

7ª Cruzada Evangelística em 2015 da Assembleia de Deus em Petrolina. Local: Nova Descoberta. Confira fotos


Neste sábado a Assembleia de Deus em Petrolina realizou a 7ª Cruzada Evangelística Boas Novas em 2015. A comunidade...
Posted by Blog do Francisco Evangelista on Domingo, 5 de julho de 2015
domingo, 5 de julho de 2015

3ª noite do Congresso de Jovens da IEADPE: Jovens recebendo poder para testemunhar

Após o estudo da tarde, onde os jovens aprenderam a como ter uma vida de obediência a Deus para ser testemunha d’Ele, começou mais um culto festivo deste 34° Congresso de Jovens da IEADPE.

As fortes chuvas que caíram durante todo o sábado, não impediram que centenas de jovens chegassem ao Templo Central para adorar ao Senhor. Caravanas de várias regiões do Estado chegaram logo cedo para não perder nenhum momento do culto.

Hoje, terceiro dia do evento, o clima notado no ambiente era de alegria e ansiedade em aprender mais de Deus, mais de Sua Palavra. Em um período em que a Igreja de Cristo vem sofrendo perseguições de todos os lados da sociedade, os jovens cristãos se reuniram na casa do Senhor para aprender como defender a fé.

“Ser-me-eis testemunhas”, tema desta edição, trouxe a importância da Igreja estar preparada para mostrar ao mundo a imagem de Cristo através da sua vida e das suas atitudes.

O preletor da noite, o Pastor Waldemir Farias da filial da IEADPE em Petrolina leu o texto inicial sobre a igreja em Pérgamo. Ele convidou os jovens a resistirem aos convites das falsas testemunhas, e serem fies a Deus e a igreja. “A igreja deve resistir às pressões do mundo, confrontando com a verdade”, enfatizou.

Uma mensagem exortadora trouxe como exemplo Antipas, da igreja em Pérgamo, quem que o crente precisa combater e resistir ao mundo se preciso até a morte. “Quando você permanece firme, você está testemunhando. Ser testemunha é sinônimo de perseguição. O trono de satanás, cai diante da fidelidade e do testemunho”, disse. ADNews
sábado, 4 de julho de 2015

Chuva deixa Recife em estado de alerta

Neste sábado, a prefeitura do Recife decretou estado de alerta por causa das chuvas.

No bairro Alto Santa Terezinha, na zona norte, uma casa desabou e deixou duas pessoas feridas nesta madrugada. Nas últimas 24 horas, foram registrados 118 milímetros.

A chuva que caiu na última segunda-feira (29) foi considerada a maior dos últimos 29 anos, quando choveu 228 mm, o que vale a 16 dias do mês de junho.

A testemunha de Cristo e a vida de obediência a Deus, na segunda noite do Congresso de Jovens da IEADPE

Por volta das 17h desta sexta-feira (03), centenas de pessoas chegavam ao Templo Central da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE), para participar de mais um culto festivo do 34° Congresso de Jovens.

Desde ontem, os jovens aprendem como ser testemunha de Cristo nesse mundo em que vivemos. O tema desta edição: “Ser-me-eis testemunhas”, baseado no Cap. 1 do livro de Atos dos Apóstolos, chegou em boa hora, tendo em vista as inúmeras perseguições que a Igreja de Cristo vem sofrendo.

Quem ministrou o estudo da noite foi o Ev. Elmir Ribeiro. Focou na santificação. Disse que ela é um modo de vida. Não apenas isso é também uma forma de conduta que agrada a Deus e nos aproxima d’Ele. “Quem ama a Deus o honra em qualquer circunstância, não o ama apenas no congresso. Ama na faculdade e no seu dia a dia. Ele ainda externou que quem ama a Deus é fiel e mantém uma vida santa”, enfatizou. ADNews

Jornalista da Globo é alvo de racismo no Facebook

Quando falamos sobre redes sociais, é impossível não pensar em como elas mudaram significativamente a relação do público com a informação.

Com a possibilidade de interagir com a notícia, compartilhando opiniões de forma imediata através de comentários, por exemplo, o leitor deixar de ser apenas um consumidor para se tornar parte ativa na comunicação social.

Essa interação é importante para democratizar a mídia, sem dúvidas, mas o que podemos perceber nos últimos tempos é que discursos de ódio têm se proliferado na internet.

Sempre que algum tema "polêmico" entra em pauta, não é difícil se deparar com comentários carregados de preconceito.

Essa semana, tivemos mais um episódio que mostrou como esses discursos são cada vez mais comuns.

Na última quinta-feira (2), a página do Jornal Nacional, da Rede Globo, publicou um post no Facebook com uma imagem da jornalista Maria Júlia Coutinho, falando sobre a previsão do tempo.

Durante a madrugada, a publicação foi alvo de diversos comentários racistas direcionados à profissional.



Não é a primeira vez que a jornalista é vítima de manifestações racistas na internet. Desde que assumiu a função no noticiário "global", comentários preconceituosos surgem sempre que alguma notícia sobre a moça é veiculada.

É importante ressaltar que declarações deste tipo, além de configurarem crimes de injúria racial, também são delitos informáticos, estabelecidos pela lei de crimes de internet em vigor há mais de dois anos no país.

Maria Júlia é a primeira mulher negra a apresentar a previsão do tempo no telejornal.

A própria existência de comentários de cunho racista e discursos de ódio nas redes sociais pode ser um fator que diz muito sobre o motivo da diferença em quantidade de pessoas brancas e negras ainda ser tão gritante.

Em plena era do compartilhar e do opinar, ainda presenciamos posicionamentos violentos como este, que mostram que ter acesso à informação não significa utilizá-la com bom senso e respeito. Exame
sexta-feira, 3 de julho de 2015

Jovens aprendendo a ser testemunhas de Cristo: 34ª Congresso de Jovens da Assembleia de Deus Pernambuco começou

Começou nesta quinta-feira (02) e vai até o próximo domingo (05), a 34ª edição do Congresso de Jovens da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE). O tema escolhido para este ano: “Ser-me-eis testemunhas”, com base em Atos Cap. 1. 8, foi especialmente para trazer uma reflexão sobre os jovens serem as verdadeiras testemunhas de Cristo.

Este congresso, que é sediado no Templo Central da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco, na Av. Cruz Cabugá, 29, Santo Amaro, na área central do Recife, conta com um grande coral composto por 800 vozes masculinas e femininas.

O tema deste ano deu origem a uma campanha na internet #SouTestemunhaIEADPE. Vários jovens até mesmo de outros Estados e países, aderiram ao desfio e gravaram vídeos bem criativos com a hastag, convidando os amigos pelas redes sociais, a participarem e se envolveram nesta edição.

As filiais da IEADPE no campo missionário como Peru, Moçambique, Portugal e Vanderbijlpark, Africa do Sul, enviaram seus vídeos e saudações a juventude pernambucana (confira na fanpage do ADNews), parabenizando-a pelo evento, e que comunicaram estarão acompanhando a transmissão pelo site do evento: www.congressodejovens.com.

O Evangelista Natanael Balé foi o preletor do estudo de abertura. Começou falando da maneira que a igreja primitiva vivia diante de Deus. “Os primeiros cristãos venciam pela oração, perseveravam pela oração e perseveravam na doutrina. Jovens! Não podemos ceder à pressão que vem do mundo para nos fazer perder a perseverança”, disse.

Ele continuou falando da necessidade de cada crente manter-se firme diante das dificuldades, tentações, provações, e calúnias, aguardando a intervenção divina. “Deus não quer saber se você é pobre, se seus pais lhe abandonaram, Ele quer usar você, quer cuidar de você, quer investir em você.

Encerrando, convidou os jovens a aproveitarem o momento para entregarem suas vidas ao Senhor, para serem usados como testemunhas do Evangelho de Cristo. Ao todo, seis pessoas aceitaram o convite para se tornarem crentes e oito foram batizadas com Espírito Santo. Nesta sexta, no turno da tarde, a partir das 14h, haverá estudos. ADNews

Siga-nos no Google+

Fotos do Blog

Visitantes

Top 10 da semana