Temusados

Temusados

Dirija Já

Dirija Já

Chaveiro 24h

Blog do Francisco Evangelista. Tecnologia do Blogger.
terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Em estado de depressão, jovem de 19 anos comete suícidio em Afrânio. Não podemos ficar parados diante disso

É uma pena tomarmos conhecimento de mais uma pessoa que atenta contra a própria vida. Desta vez a vítima foi um rapaz de apenas 19 anos, agricultor, com todo um futuro pela frente, de nome Nonato Ferreira Rodrigues, morador do Sítio Tanque do Né, no interior de Afrânio distante 107 quilômetros de Petrolina.

De acordo com o registro policial, os próprios familiares foi quem informaram o fato às autoridades. A vítima, que segundo a família já vinha sofrendo de depressão há algum tempo, cometeu suicídio utilizando-se de uma faca tipo peixeira contra o próprio pescoço.

O triste fato foi notificado pela polícia nesta segunda-feira (16) por volta do meio dia. O corpo foi levado ao IML de Petrolina para as providências cabíveis.

Infelizmente não são poucos os casos de suicídio em nossa região. É fundamental que quando qualquer pessoa tiver uma vontade de sumir, desaparecer, fugir de tudo que está acontecendo, procure ajuda. A morte jamais é a saída. Sempre há alguém pronto a estender a mão. 

É necessário que cada família esteja atenta diante do comportamento de cada ente querido, de cada parente, de cada amigo, de cada colega de trabalho, para assim diminuir os riscos de casos desta natureza. Qualquer indício de alguém nutrindo ideias suicidas não pode ser ignorado.

O poder público também precisa agir no sentido de oferecer condições para que as vítimas tenham condições de superar problemas que podem levar a mente do ser humano esse desejo cruel de tirar a própria vida. Nesse contexto não se pode desprezar o importante papel das igrejas, dos líderes espirituais, de clubes e grupos que oferecem apoio neste sentido.

Assim como existem os Agentes de Saúde e de Endemias é preciso que profissionais como assistentes sociais e psicólogos estejam não apenas ao alcance da população, mas é necessário que os mesmos estejam disponíveis e acompanhando o cotidiano das comunidades, mapeando situações de risco e reduzindo os riscos de suicídio.

Por outro lado cada um precisa fazer a sua parte, valorizando a vida e percebendo que independente do problema que se passe, sempre é possível dar a volta por cima, haverá sempre uma nova oportunidade. Não se pode tentar resolver situações sozinho. É preciso lembrar-se de Deus. Nesse aspecto a fé é uma arma muito importante, não apenas com uma prática religiosa, mas procurando ter uma vida com propósitos, e sabendo que sempre haverá uma solução.

Que Deus ajude-nos a perceber que Ele sempre está pronto a nos ajudar nos momentos difíceis de nossa vida.

Por Francisco Evangelista

0 Comentários até agora. Qual sua opinião?:

Siga-nos no Google+

Fotos do Blog

Top 10 da semana