Temusados

Temusados

Dirija Já

Dirija Já

Chaveiro 24h

Blog do Francisco Evangelista. Tecnologia do Blogger.
terça-feira, 17 de março de 2015

Repentistas fizeram a festa no Dia da Poesia em Juazeiro

Logo no início da manhã, do dia 14 de março, Dia Nacional da Poesia, a cidade de Juazeiro começava a perceber a movimentação de violeiros e seus repentes, a poesia popular estava chegando à feira livre e dividindo espaço com os feirantes e a população para comemorar uma data que em Juazeiro ainda está viva devido à resistência e organização de alguns poetas e amantes da poesia popular, além do apoio decisivo da Secretaria de Cultura e Juventude do Município (SECJU).

O 1º Encontro de Poetas e Repentistas de Juazeiro, realizado pelo Projeto Sertão, Viola e Poesia, capitaneado pelo poeta repentista Valdir Lemos, em parceria com a Prefeitura Municipal, através da SECJU, reuniu na Praça Barão do Rio Branco (Praça do Paço Municipal) poetas da Paraíba, Pernambuco, Ceará, Bahia e Piauí, que se revezavam em duplas para mostrar o melhor da poesia de cordel e da cultura popular nordestina. Na oportunidade os artistas também mostraram os seus produtos artísticos, como CDs, DVDs, livros e cordéis.

Um dos apreciadores do evento, Nilton Alves Barbosa, natural de Salvador, morando em Juazeiro há 1 ano, disse que é a primeira vez que está vendo uma apresentação desse porte, dos repentistas na cidade. “Música de primeira qualidade, cultura do Nordeste, Juazeiro está de parabéns, muito bonito mesmo”, festejou.

O encontro dos repentistas não ficou somente concentrado na Praça Barão do Rio Branco, duplas seguiram para a feira e para a barquinha, onde puderam se apresentar e receber de maneira espontânea aplausos dos passageiros da travessia, entre Juazeiro e Petrolina.

O repentista Severino Silva, de São José do Egito/PE, 30 anos morando em Juazeiro, disse estar maravilhado com todo o evento. “Já participei de muitos festivais, esse encontro aqui em Juazeiro está sendo maravilhoso, resgatando a poesia que estava dormindo. E o apoio da secretaria é muito importante para nós, para o evento, que deve continuar”, ressaltou Severino, que tem mais de 40 anos de viola, gravou 5 CDs e tem quase 5 mil vendidos no Vale do São Francisco.

Comunhão de estilos

Apresentaram-se no 1º Encontro de Poetas e Repentistas as duplas João Brito e Paulo Maia; Antônio Vieira e Gonzaga Neto; Severino Silva e Ednilton Lima (dupla que também se apresentou na travessia da barquinha) e ainda Gabriel “O Cantador” e o poeta popular Luar do Conselheiro, declamando poesias de Ivanildo Vilanova e de sua própria autoria, segundo ele, “Poesia Popular Nordestina”.

Para o titular da SECJU, o evento foi marcante, importante para a data em Juazeiro, “celebrar com os poetas e repentistas a cultura popular nordestina, no dia da poesia na cidade, era o nosso objetivo e esse foi alcançado”, festejou, ressaltando que enquanto gestor cultural estará sempre à frente desses eventos, apoiando e valorizando as potencialidades artísticas da sede e interior do município de Juazeiro.

“Nós como gestores estamos com esse compromisso de fortalecimento de nossa cultura. É preciso o envolvimento de todos com a questão da cultura popular”, finalizou.

0 Comentários até agora. Qual sua opinião?:

Siga-nos no Google+

Fotos do Blog

Top 10 da semana