Temusados

Temusados

Dirija Já

Dirija Já

Chaveiro 24h

Blog do Francisco Evangelista. Tecnologia do Blogger.
quarta-feira, 25 de maio de 2016

Congresso de Serviço Social da Facape celebra 80 anos da profissão no Brasil

O auditório da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape) ficou lotado na abertura do 1º Congresso de Serviço Social do Vale do São Francisco. O evento - que reúne até esta quarta-feira (25) estudantes de diversas instituições, docentes e profissionais - tem como objetivo incentivar a produção do conhecimento acadêmico e ampliar o debate sobre temas atuais relacionados à profissão.

O congresso foi aberto na segunda-feira (23) com uma apresentação do grupo de música instrumental ‘Carcará’, um projeto de extensão do Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE), que abrilhantou o evento com canções de Pixinguinha e Luiz Gonzaga. Após a apresentação do grupo, a mesa de abertura foi composta pela coordenadora do Colegiado de Serviço Social da Facape, Andrea Alice Rodrigues; pela professora da Facape e organizadora do evento, Maria Lúcia; pelo diretor financeiro da autarquia, Alessandro Brito; além da aluna Rayane Stefany Rodrigues, que representou a classe estudantil.

Os componentes da mesa deram boas vindas aos participantes e destacaram a importância do congresso para profissionais e estudantes do Vale do São Francisco. “Todos estão enriquecendo seus conhecimentos, seja através das palestras, discussões, apresentação e/ou submissão de trabalhos. Espero que aproveitem cada momento desse encontro, que foi organizado com muito comprometimento e carinho”, destacou a coordenadora Andrea Alice.

Serviço Social: 80 anos no Brasil

A palestra da primeira noite - ‘Serviço Social 80 anos no Brasil: atribuições e competências do exercício profissional frente às demandas em tempos de crise’ - foi ministrada pela professora da Universidade Federal do Pernambuco (UFPE), Drª Maria das Graças e Silva, com a participação do administrador e comunicador Omar Torres.

A palestrante abordou a crise como um lapso temporal e sociohistórico, além de refletir sobre as atribuições e competências do profissional de Serviço Social nesse contexto. Omar Torres, apresentando diversos estudos e dados, fez uma breve narrativa cronológica desde a colonização até os dias atuais, para refletir e entender com o Brasil chegou neste atual momento de crise.

Na programação da terça-feira (24), os estudantes apresentaram trabalhos e assistiram à palestra sobre seguridade social e políticas de saúde, com a professora da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), Viviane Medeiros. O congresso termina nesta quarta, com palestras e debates com docentes da UFPE e Univasf.

0 Comentários até agora. Qual sua opinião?:

Siga-nos no Google+

Fotos do Blog

Top 10 da semana