Temusados

Temusados

Dirija Já

Dirija Já

Chaveiro 24h

Blog do Francisco Evangelista. Tecnologia do Blogger.
terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Apesar das dificuldades, gestores do Hospital Dom Malan / IMIP fazem balanço positivo de 2016

As dificuldades passadas pelo Hospital Dom Malan/IMIP em Petrolina durante o ano de 2016 foram públicas e, basicamente, referem-se ao financeiro, devido aos problemas de repasse de custeio da unidade de saúde materno/infantil. Mas, apesar desse cenário negativo, o hospital, que é referência para mais de 50 municípios da Rede Interestadual de Atenção à Saúde do Vale do Médio São Francisco (Rede PEBA), conseguiu manter a sua oferta de serviços, realizando um total de mais de 74 mil atendimentos ambulatoriais, 115 mil emergenciais, 12 mil internações, 288 mil exames laboratoriais, 23 mil exames de imagem, 7 mil partos (normais e cesárias) e 1 mil cirurgias eletivas, entre outros procedimentos. 

O número de atendimentos emergenciais contabiliza os atendimentos das emergências ginecológica e pediátrica; o de cirurgias eletivas somam as ginecológicas, oncológicas, de mama e pediátricas; e os atendimentos ambulatoriais dividem-se entre as especialidades pediátricas médicas e não médicas de cardiologia, neurologia, alergologia, gastroenterologia, reumatologia, fonoaudiologia, psicologia, nutrição e fisioterapia. 

Outros dados também merecem destaque, como os relacionados à diretoria de Ensino e Pesquisa, que recebeu em 2016 uma média de 1.000 alunos dos cursos de medicina, fisioterapia, enfermagem, farmácia e nutrição; 351 residentes médicos nas áreas de pediatria e ginecologia/obstetrícia; e 196 residentes de enfermagem fortalecendo o corpo médico/estudantil do hospital, que no ano anterior contou com 900 estudantes e 71 residentes na área médica. Além disso, o departamento conseguiu concluir 6 estudos multicêntricos e o Núcleo de Educação Permanente realizou treinamentos durante todo o ano, alcançando um total de 320 colaboradores.

O Voluntariado IMIP/HDM, a Organização de Procura de Órgãos (OPO) e o Banco de Leite (Biama) continuaram mostrando força. Em 2016, os 34 voluntários mantiveram o cronograma de atividades e realizaram diversas ações voltadas aos pacientes, como carnaval da pediatria, dia das crianças, das mães, dos pais, páscoa, natal dos pacientes e natal solidário. Nos doze meses foram contabilizados 7.955 itens doados e 431 pacientes beneficiados. Já a OPO, que possui sede no hospital, superou muito o ano anterior e atingiu a marca de 55 doações de órgãos, contribuindo assim para diminuir a fila de espera no estado. O Banco de Leite, por sua vez, realizou 25.938 atendimentos, mais de 700 palestras educativas/informativas, e pasteurizou 248 litros de leite (coletados internamente e externamente), mantendo o estoque sempre positivo.

“Apesar de todas as dificuldades conseguimos manter os serviços e atendimento à população, resgatando, em parte, o perfil da unidade materno/infantil que é o de atender o alto risco. Gostaríamos que a avaliação fosse ainda melhor, mas, diante dos poucos recursos, acho que a equipe realizou um bom trabalho e 2016 foi um ano de superação”, pondera o superintendente do Dom Malan, Etiel Lins. Por Anna Monteiro-Ascom HDM

0 Comentários até agora. Qual sua opinião?:

Siga-nos no Google+

Fotos do Blog

Top 10 da semana