Temusados

Temusados

Dirija Já

Dirija Já

Chaveiro 24h

Blog do Francisco Evangelista. Tecnologia do Blogger.
sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Nova Semente: Miguel reafirma gratuidade, mas confirma demissões

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho detalhou na tarde desta quinta-feira (26) o processo de reformulação do Programa Nova Semente. Em entrevista coletiva a imprensa, ele reafirmou a gratuidade do programa, que acolhe crianças de seis meses a 5 anos, mas confirmou as demissões de sementeiras, medida que segundo ele, se fará necessária por conta do déficit encontrado pela nova gestão municipal.

A reformulação terá início na próxima semana, mas os cortes serão comunicados às servidoras até o final do mês, já que elas estão no período de férias. “Vai ser necessário fazer demissão, porque a gente não tinha como custear o programa. De um ano para outro aumentou R$ 40 milhões praticamente o seu custeio, e isso a prefeitura não tem como manter, até porque o recurso que chega para poder ajudar na manutenção não cresceu na mesma velocidade. Pelo contrário, o valor que a prefeitura recebia ano passado caiu em relação a esse”, afirmou Miguel.

O número de demissões ainda será definido. “Vamos reduzir o suficiente para que a gente possa pagar a conta e não prejudique a educação e os alunos. A nossa prioridade são as crianças, e manter as crianças sendo educadas e isso vamos manter, com essa nova formulação do programa”.

De acordo com o prefeito, a prioridade é manter o programa e sua gratuidade. “Ninguém vai ter que fazer mais rifa, ninguém vai ter que fazer bingo, ninguém tem que fazer feijoada. Não tem mais aquele negócio do pai não ter o dinheiro para pagar e se não pagar, o menino sai. A nossa prioridade é a educação das crianças e é isso que vamos fazer. Estamos preservando a essência do Nova Semente. O Nova Semente a partir do dia 20 de fevereiro é gratuito”, disse.

CMEI – O programa vai receber R$ 24 milhões do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e o restante do aporte da Prefeitura de Petrolina. “Não estamos reduzindo a participação da prefeitura, pelo contrário, a prefeitura volta a ter um papel decisivo que é a responsabilidade de poder atender todas as crianças cadastradas”, disse.

A reformulação do Nova Semente prevê que parte do número de crianças atendidas pelo programa será matriculada nos Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIs). “Onde tem um CMEI próximo, que está fechado, com vaga ociosa, vamos relocar. Em localidades que não existe uma CMEI, não existe uma creche municipal da nossa rede, obviamente vamos manter a unidade do Nova Semente, tanto é que vamos manter 91 prédios funcionando para que a gente possa garantir o acesso a educação para todas as crianças”, afirmou.

O Petrape continuará à frente da gestão do programa. As atividades vão recomeçar no dia 20 de fevereiro para 10.108 mil crianças cadastradas. A modalidade permanecerá de tempo integral para crianças de 0 a 2 anos e 11 meses. A partir de 3 anos ela será parcial. Gazzeta

0 Comentários até agora. Qual sua opinião?:

Siga-nos no Google+

Fotos do Blog

Top 10 da semana