Temusados

Temusados

Dirija Já

Dirija Já

Chaveiro 24h

Blog do Francisco Evangelista. Tecnologia do Blogger.
quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

MST ocupa prédio do Incra em Petrolina e Recife

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) estão em ocupação da sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). Cerca de 40 famílias ocupam o prédio do Incra, na Avenida da Integração, em Petrolina, enquanto 2,5 mil pessoas estão na sede do Instituto, em Recife.

De acordo com o representante da Direção Estadual do MST/Pernambuco, Francisco Terto, a manifestação visa pressionar o Governo para a discussão de uma pauta de reivindicações do Movimento. “Nós temos basicamente quatro pontos para discussão. O primeiro deles é a Medida Provisória 759, que vê a titulação da terra de forma privada e descarta a possibilidade de tutela do Estado. Isso significa que não teremos uma linha de crédito do Incra e o assentamento será instalado a partir da abertura de editais de seleção convocados pelos municípios, com alguns critérios que podem excluir do processo pessoas que têm 12 anos de acampamento”, disse.

Entre as pautas de reivindicação estão ainda a possibilidade de encerramento do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária, que possibilita o acesso de jovens e assentados ao conhecimento científico sistematizado, a partir do ingresso em Universidades e Institutos Federais. Os outros pontos são a morosidade nos processos de vistoria e desapropriação, e o crédito agrário. “Uma parte da equipe do Incra não vê o assentamento como um lugar bom para viver e se desenvolver. Nós precisamos do apoio do Instituto para produzir, comercializar e elevar a renda do nosso povo”

Há, atualmente, mais de 4,5 mil famílias em assentamentos e acampamentos entre Pontal Sul e Pontal Norte. “Nós tempos aqui em torno de 10 a 15 assentamentos e acampamentos, mas a reivindicação aqui é uma só. Nós queremos aqui é reforma agrária, é terra pra trabalhar, e a gente só vai liberar a sede do Incra depois que obtiver uma resposta”, frisou o um dos representantes da diretoria do MST em Petrolina e Lagoa Grande.

Hoje (21), a Direção Estadual do MST está em Recife para a primeira rodada de negociação com representantes do Incra Nacional e com os Superintendentes do Incra em Recife e Petrolina. Uma segunda rodada de negociações também já está agendada com representantes do Governo Estadual, Compesa, Secretaria de Agricultura Familiar e do Instituto de Terras e Reforma Agrária de Pernambuco. Do Ponto Crítico

0 Comentários até agora. Qual sua opinião?:

Siga-nos no Google+

Fotos do Blog

Top 10 da semana